Temos mesmo que ajudar os refugiados?

18:00


Bem acho que já vi pelo facebook uma quantidade enorme de insultos a voarem de um lado para o outro sobre esta questão. Se queremos ajudar somos ignorantes e se não queremos somos uns monstros sem sentimentos e dignidade. Mas a questão é temos mesmo de os ajudar?

No fundo tudo o que eles precisam é de uma oportunidade, sim, apenas de uma oportunidade para terem uma vida melhor. Não temos de os ajudar com empregos, casas, comida, apenas temos de lhes dar uma oportunidade. Afinal antes de andarmos a brincar aos reis e de quem pertence cada bocado de terra este planeta pertencia-nos a todos e acho que cada um tem o direito de viver onde quiser. Mas se os ajudarmos seremos pessoas melhores? Mas é claro! Se pudermos contribuir para que consigam construir uma base sólida para uma vida melhor então porque não?

Mas temos de saber distinguir ajudar e dar-lhes vidas de ricos. Todos sabemos que em Portugal existe uma enorme comunidade cigana que vivem que nem burgueses, nem sequer são portugueses e têm muitos mais luxos que nós, e nós cães andamos a trabalhar e a pagar impostos para o estado lhes dar casas e muito mais. Podemos sim ajudar os refugiados mas acho que estes devem ter os mesmos direitos e especialmente os mesmos deveres que nós. Devem tornar-se cidadãos tal como nós, integrar-se e contribuir para o país da mesma forma que nós contribuímos. Acho que assim já estamos todos de acordo certo?

Bem ainda não, existe muitas pessoas com receios e com razão. Esta demanda em busca pela liberdade e uma vida melhor é uma porta aberta para o terrorismo e oportunistas de todas as espécies. Afinal a Europa está a abrir portas a TODOS os refugiados deixando entrar qualquer um que diga precisar de ajuda e a verdade é que nós não sabemos quem é essa pessoa. Será que ela precisa mesmo de ajuda ou vê nisto tudo uma oportunidade para algo? Acho que precisamos de fazer um certo tipo de triagem, o que nem sei se é possível mas sem dúvida que seria o ideal, identificar quem precisa mesmo de ajuda e quem não precisa. Afinal ninguém quer que entre aqui aqueles "malucos" do Estado Islâmico ou de qualquer outra rede terrorista para nos matar.

Portanto acho que é sempre uma opinião contraditória, pelo menos a minha é. Eu pessoalmente sinto que devia ajudar, se fosse eu naquela situação iria querer que alguém me estendesse a mão. Não podemos ficar de olhos fechados a seres humanos a lutar por sobrevivência que abandonaram tudo, completamente tudo apenas por uma chance de talvez conseguirem uma vida melhor, e todos nós já vimos a quantidade de pessoas que não conseguiram essa chance. Acho que a vida humana vale muito mais que uma birra nossa de "não quero e não quero, pronto". Mas por outro lado acho que tudo tem limites e só devemos ajudar até um certo ponto, afinal não os vamos ajudar para viverem à grande só para nós ficarmos cada vez mais pobres.

Qual é a tua opinião? Ajudar ou não?

Catarina

You Might Also Like

0 comentários

Instagram Pessoal

Keep in touch!

Follow on Facebook